Doenças cardíacas

Compartilhe esta página
Imprimir este artigo
Esta página foi útil?

O que é?


Doença cardíaca é um termo geral que se refere a diversos problemas clínicos agudos e crônicos que afetam um ou mais componentes do coração, que é um órgão muscular do tamanho de um punho, situado no lado esquerdo do tórax. O coração bombeia sangue continuamente, batendo até 100.000 vezes por dia. O sangue bombeado transporta oxigênio e nutrientes para todos os tecidos do corpo, além de dióxido de carbono e outros resíduos que devem ser removidos pelos pulmões, rins e fígado. A circulação no próprio coração ocorre pelas artérias e veias coronárias. O coração é também um órgão endócrino, produzindo dois hormônios: o peptídio natriurético atrial (ANP) e o peptídio natriurético do tipo B (ou peptídio natriurético cerebral - BNP), que coordenam a função cardíaca com a as artérias e os rins.

O coração é oco e dividido verticalmente por um septo. Cada lado tem duas câmaras: um átrio em cima e um ventrículo em baixo. O sangue venoso entra no átrio direito e é bombeado pelo ventrículo direito para os pulmões, onde libera dióxido de carbono e adquire oxigênio. O sangue oxigenado nos pulmões é transportado para o átrio esquerdo e é bombeado pelo ventrículo esquerdo através das artérias para todo o corpo. Quatro valvas (válvulas) regulam a direção do fluxo através das câmaras cardíacas. Seu fechamento e abertura são percebidos como o batimento característico do coração em dois tempos. O músculo cardíaco é chamado miocárdio, e a membrana que reveste as câmaras e as valvas é chamada endocárdio. O pericárdio é uma membrana de dois folhetos, um externo fibroso e um interno seroso, que engloba todo o coração, permitindo que ele bata quase sem fricção com os tecidos circundantes.

As doenças que afetam o coração podem ser estruturais ou funcionais. Lesões cardíacas ou distúrbios que diminuem o suprimento de oxigênio para o coração reduzem sua capacidade de enchimento e bombeamento, prejudicam a relação entre coração, vasos sanguíneos e rins, e afetam não só o coração, mas todo o corpo.

Seguinte »